Dois anos atrás, na cidade de São Paulo, os secundaristas iniciavam um processo de ocupação das Escolas Estaduais que se alastraria Brasil afora. Em poucos meses, conseguiram reverter a reorganização escolar proposta pelo governador Geraldo Alckmin, trazer o debate sobre a educação pública para o centro da política brasileira e lutar pela qualidade de ensino que todos os jovens brasileiros merecem.

As ocupações afetaram a vida de milhares de estudantes, pais e administradores públicos, e ajudaram a forjar uma nova consciência de luta na juventude brasileira.

O filme é uma co-produção entre a Retrato e a Muda Filmes e tem apoio do R.U.A – Foto Coletivo.
Texto por Marco Guasti. Foto por Jardiel Carvalho (R.U.A. – Foto Coletivo)

Deixe um comentário